Como não sou como a comum das mulheres na casa dos 30, sem falsas modéstias sei que sou gira, inteligente, boa, divertida e amiga. Sou também mázinha, crítica, impulsiva, instável, insana. . Sou uma verdadeira Borderline.

.posts recentes

. Iva Domingues ou....a tri...

. Estou de volta!

. Finalmente o início da di...

. Vou começar a dieta do dr...

. Dicas para escrever melho...

. O meu baby. Lindo, não?

. Para ti, meu tesouro:

. O nascimento do bebé:

. O primeiro dia do resto d...

. A tão esperada alta médic...

.arquivos

. Novembro 2011

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2008

Quinta-feira, 7 de Maio de 2009

Há gajos com sorte, carago...

OU o melhor EMPREGO DO MUNDO. 

 

... vejam lá se não tenho razão.

 

 

 

Hoje, ao acordar para ir fazer xi-xi pelas 6.00 da manhã fiquei logo deprimida, eu que até não costumo invejar os outros... Bolas, mas isto já é demais. Ao levantar-me tropeçei no telecomando e pisei o cinzeiro, ainda bati com o dedo mindinho do pé direito na quina da mesa da sala..... AIIIIIIII.........

 

Fonix.

 

Doeu.

 

Doeu tanto que fui ao pé coxinho pelo corredor fora, tentando não fazer barulho e como já não moro na casa dos pais á anos esqueço-me dos gatos. Porra. eles vêm direito a mim, e eu estou aflita.

Ai.

Ai que não aguento......

 

Ufffff...... Safei-me.

 

Ao chegar á sala, onde adoro dormir sempre que visito os meus papás, apesar do meu quarto se manter intacto, reparo que a televisão se ligou na sic noticias:

Notícia do dia:

 

- Britânico de 35 anos foi apurado para viver seis meses numa ilha paradisíaca - ele ganhou o "Melhor emprego do Mundo"!! E depois explicavam melhor:

- Ben Southall foi apurado para ‘O Melhor Emprego do Mundo’, como ficou conhecido o concurso lançado pelo turismo australiano. O britânico, de 35 anos, foi escolhido entre 15 finalistas e vai ter de viver seis meses numa ilha paradisíaca de Queensland,(Hamilton), localizada no meio da grande barreira de corais da Austrália, a alimentar peixes, a limpar a piscina, a apanhar banhos de sol e a nadar nessa barreira de coral. Para além de descrever semanalmente a sua experiência num blogue, com fotos e vídeos do seu dia-a-dia, receberá um prémio de 75 mil euros, cerca de 105 mil dolares.

 

A disputa pela vaga fazia parte de uma campanha para promover a ilha. O processo de seleção - uma campanha mundial - foi também uma estratégia de marketing para promover o turismo no país, que vem decaindo com a recessão global.



O sortudo que ganhou o melhor emprego do mundo!

 

Southall, o (in)feliz contemplado,  que trabalhava numa instituição de solidariedade, destronou outros 15 concorrentes, seleccionados entre 34 mil candidatos. "Honestamente, não pensei que tivesse hipóteses de vencer", disse, quando o seu nome foi anunciado.

 

Vá, digam comigo, coidadinho.....

 

Corno...(deve ser Gay....)...fala a inveja, claro. E com razão.

Hehehe!!!

 

Kiss,

 

Moky

sinto-me: GRRRRR...que inveja!!!!
música: Estou a ler " A vida em mil pedaços" e n consigo parar...

publicado por Moky às 14:04

link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De Prof pardal a 12 de Maio de 2009 às 12:33
Quando tenho as crises dava jeito ir para uma ilha paradisiaca!

Infelizmente não tenho essa sorte, embora o meu pai me tenha oferecido uma viagem á polinésia se ficasse boa!


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
25
26

27
28
29
30


.tags

. todas as tags

.links

.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds